Rio de Janeiro: Jardim Botânico

Apesar de ter morado muitos anos no bairro que dá nome ao local, fui poucas vezes ao Jardim Botânico. Se você desejar visitar ele todo num único dia deve passar o dia inteiro, vale, então, chegar cedo, entrar pela entrada de veículos e passar primeiro pelo quiosque e tomar um bom café da manhã. Agora, se você tiver mais tempo, eu aconselho a ir mais de uma vez pra curtir a riqueza de cada parte.

jardim_botanico02

Chafariz central.

jardim_botanico03

Palmeiras Imperiais

Palmeiras Imperiais

Portal da Academia Brasileira de Letras

Portal da Academia Brasileira de Letras

Um pouco da história
O Jardim Botânico foi fundado em 13 de junho de 1808 por D. João VI, príncipe regente na época. O objetivo do local era aclimatar as especiarias vindas das Índias Orientais. Dentro do Jardim Botânico encontramos edificações históricas e monumentos com obras que datam dos séculos XVI ao XIX, estas contam um pouco da história da região.

Aluguel de carro

Lá, encontra-se a antiga Fábrica de Pólvora construída por D. João VI, a Casa dos Pilões, a Casa dos Cedros, o antigo portal da Academia de Belas Artes e o Solar da Imperatriz. Este último, em 2001, após ser restaurado, ganhou a Escola Nacional de Botânica Tropical – a primeira no gênero na América Latina.

Dentro do Jardim Botânico algumas áreas merecem ser vistas com calma e aproveitando o clima tranquilo.

– Bromeliário
– Orquidário
– Medicinais
– Jardim Sensorial
– Insetívoras
– Cactário

Jardim Sensorial: Orquídeas

Jardim Sensorial: Orquídeas

Jardim Sensorial

Jardim Sensorial

Orquidário.

Orquidário.

Roseiral.

Roseiral.

Roseiral

Roseiral

Jardim Japonês

Jardim Japonês

Em algum lugar desse grande lugar.

Em algum lugar desse grande lugar.

Casa dos Pilões

Casa dos Pilões

Nossa experiência:
Nós chegamos ao Jardim Botânico por volta as 11h. O dia estava extremamente quente, mas chegando no parque a temperatura ficou bem mais amena. Andamos em várias áreas com muita calma. Mesmo já tendo ido algumas vezes, fizemos um percurso diferente e acabamos vendo espaços que nunca tínhamos visto.

Por isso, eu indico: não vá com pressa. Passe o tempo que tiver e se gostar volte outra vez.

No dia em que fomos estava acontecendo a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. Os participantes estavam distribuindo mudinhas de temperos. Pegamos quatro tipos e vamos começar a nossa hortinha!

jardim_botanico16

DICA:
Só pra indicar uns lugares: nós almoçamos no Belmonte do Jardim Botânico. Achamos o preço super justo para um almoço. E em frente tem um lugar que indicamos muito: Bibi Sucos, se você não conhece deveria conhecer.

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos rolando por lá!

Dados Financeiros:
Preços dos Ingressos:
R$ 6,00 – Individual
Gratuidade para:
Crianças até 7 anos
Adultos a partir de 60 anos, residentes no Brasil ou em outros países que fazem parte do Mercosul.

Museu do Meio Ambiente (Ao lado do Jardim Botânico)
O Museu está aberto de terça a domingo, das 9h às 17h (nas primeiras terças-feiras do mês, até às 20h).
A entrada é gratuita.
Informações: 21) 3204-2504

Última visita realizada em outubro de 2013.

LEIA MAIS:
Rio de Janeiro: Pelos Trilhos de Santa Teresa 1
Rio de Janeiro: Tour Amantes da História 1
Rio de Janeiro: Tour Grand Bazaar – Parte 2

Posted in AMERICA DO SUL, BRASIL, CIDADE DO RIO, RIO DE JANEIRO and tagged , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *