Buenos Aires: Cemitério da Recoleta e a Floralis Generica

Para fechar o domingo resolvemos ir ao famoso Cemitério da Recoleta. O que vocês pensam sobre um Cemitério ser um ponto turístico? Eu confesso que achava meio mórbido. Achava engraçado não gostar de ir a cemitérios na minha cidade, mas ir na cidade dos outros. Mas como era um ponto turístico resolvemos ver, pessoalmente, o porquê dele ser especial.

cemiterio_recoleta (2)

cemiterio_recoleta (1)

É bem verdade que o cemitério é bem bonito. Há várias obras artísticas muito bonitas espalhadas, mas eu definitivamente não curto cemitérios. Então, demos aquela volta rápida. Por alguns momentos, seguimos um grupo que estava fazendo a visita guiada, mas seguimos nosso caminho.

Aluguel de carro

Pelo que entendi, o Cemitério da Recoleta é tão conhecido porque em Buenos apenas pessoas muito importantes são enterradas lá. Não basta ter dinheiro, tem que ser importante para a sociedade e ser de origem “nobre”.

cemiterio_recoleta (3)

cemiterio_recoleta (4)

Saímos de lá em direção ao Centro Cultural da Recoleta. Vimos uma exposição interativa interessante e uma outra mais diferentona! É um ótimo lugar para estimular as crianças. Aliás, Buenos Aires inteira é uma lugar de bons estímulos às crianças.

Centro Cultural da Recoleta

Centro Cultural da Recoleta

E, por fim, fomos a Floralis Generica, lugar que eu adorei. Acho que Buenos Aires só me fez ter mais consciência de que eu gosto mesmo é de estar livre: os parques e museus são o meus lugares preferidos.

A Floralis Generica é uma obra de arte mais tecnológica. Atualmente, ela fica apenas aberta como na foto abaixo, mas no inicio ela se abria com o sol e fechava quando ele se ia. Eu imagino que isso deveria ser lindo.

floralis_generica (1)

floralis_generica (2)

Ir até a Floralis Generica foi ótimo para sentar no parque, descansar os pés, conversarmos e relaxar para o restinho do dia e também para o nosso quase termino de viagem! Eu adorei esse estilo de vida argentino. Acho que os parques deles são lindos e muito bem cuidados.

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos rolando por lá!

Dados Financeiros:
Taxi – Caminito x Recoleta – $ 55,00
Nenhum dos locais cobra entrada.

Viagem realizada em Dezembro de 2012.

LEIA MAIS:
Buenos Aires: Paseo del Rosedal
Buenos Aires: De Palermo ao Centro
Uruguai: Um dia pela Colônia do Sacramento

Posted in AMERICA DO SUL, ARGENTINA, BUENOS AIRES, CULTURAL and tagged , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

2 Comments

  1. Oiê!

    Enfim eu encontrei alguém que fala publicamente sobre como é estranho visitar cemitérios em viagens! Eu não sou religiosa, não acredito em alma penada, nem em espírito, mas quando eu falo que não curto visitar cemitério as pessoas logo me perguntam se tenho medo.
    Medo? Não, não tenho medo nenhum, mas para mim é completamente ilógico tratar cemitério como atração turística… Rsrsrs… Se eu não visito cemitério aqui em Brasília, vou visitar em outras cidades por que? =P

    As pressões foram tantas que eu até fui no da Reclota, mas foi uma voltinha rápida e nada mais… Pena que o Centro Cultural estava fechado, teve qeu ficar pra próxima!

    Quanto à Florális eu amei, mas fui com a intenção de vê-la se fechando e nem rolou… eu não sabia que ela não se fechava mais…

    Beijos,
    Lidia.

    • Pois é! Eu não curto cemitérios, mas o da Recoleta é muito bonito mesmo. Acho que vale a visita, mas tem que ser rápida!

      Quanto a florális foi um amigo meu especialista em BsAs que comentou que não fecha mais, vou verificar essa informação pra ter certeza

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *