Porto de Galinhas: Praia de Carneiros

Depois de termos ido a Maragogi, em Alagoas em nosso primeiro dia em Porto de Galinhas, e aproveitado uma segunda-feira mais calma para fazermos o passeio conhecido como Buggy de Ponta a Ponta, que nos levou pelas praias da região de Porto de Galinhas. Chegou o momento de falar de um passeio que foi muito bem indicado: Praia de Carneiros.

Acredito de 99% das pessoas com quem conversamos falaram que Carneiros foi uma das praias mais bonitas que elas viram na vida. E em muitos sites nós vimos a Praia de Carneiros entre uma das mais bonitas do Brasil.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-33

A Praia de Carneiros se localiza no município de Tamandaré, que faz parte do litoral sul de Pernambuco, a aproximadamente 60 km de Ipojuca.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-3

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-11

Assim como os passeios anteriores, nós fechamos a ida até a Praia de Carneiros com o Alex Andrada, da Porto de Galinhas 360º graus. Como nós já contamos, o Alex oferece um serviço exclusivo nos transfers. Nesse dia pudemos comprovar que ele não junta pessoas para ter uma economia no transfer. Pois apesar de estamos apenas eu e o Bruno no carro e este caber mais um casal, nós encontramos com Amanda, que trabalha com o Alex, no mesmo destino com outro casal que foram apenas os dois em um outro carro. Ou seja, eles podiam ter juntado os dois casais em apenas um carro. Mas como uma das marcas registradas da Porto de Galinhas 360º é a personalização do passeio. Ele não fez isso e cada um ficou o tempo que quis nesse passeio.

Nossa experiência
Nós saímos da Pousada Jangada por volta das 8:30 em direção a Praia de Carneiros. Nós chegamos lá em menos de 1 hora e o Alex, ainda dentro do carro, nos perguntou se iríamos fazer o passeio de catamarã. Apesar de termos feito o passeio de catamarã em Maragogi, resolvemos fazer mais esse por dois motivos: queríamos ter a experiência completa do passeio e nós teríamos o restante do dia para aproveitar a Praia de Carneiros.

Então, assim que descemos do carro o Alex foi até o local onde devíamos comprar os tickets para o catamarã e conseguiu que fôssemos  na primeira embarcação do dia, que saiu por volta das 10 horas. Depois que pagamos os tickets o Alex nos direcionou as mesas dos restaurantes Bora Bora.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-22

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-18

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-19

Nós ficamos sentados por lá uns 30 minutos antes do passeio de catamarã se iniciar. O atendimento nesse primeiro momento foi sem grandes agrados, mas sem problemas também. Nós tomamos uma cerveja antes de irmos, como nós não sabíamos se iríamos querer almoçar de verdade ou apenas petiscar deixamos para pedir o restante no retorno do passeio. O atendente falou para deixarmos alguma coisa sobre a mesa para mostrar que estava ocupada e nós deixamos um canga. Fora que deixamos a cerveja sem pagar também.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-20

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-21

O passeio de catamarã tem duração de aproximadamente 3 horas e ele conta com 3 paradas. Mas antes de darmos nossa opinião pessoal sobre o passeio, precisamos lembrar que nós pegamos a maré muito baixa na semana em que estivemos em Porto de Galinhas e isso influenciou no nosso passeio.

Ali o catamarã.

Ali o catamarã.

Um pouco antes das 10 horas tivemos que andar um bom pedaço de areia até onde a embarcação estava nos aguardando. O catamarã não conseguiu chegar muito perto por causa da maré baixa.

O passeio de catamarã fez um contorno nas águas da Praia de Carneiros e passa primeiro pelo ponto mais famoso desse passeio: a Capela de São Benedito. Durante o passeio de catamarã, nós achamos que passamos muito distante da capela, mas só depois descobrimos que normalmente as embarcações param na capela para as pessoas descerem e baterem foto, mas por conta da maré baixíssima isso não foi possível.

Capela de São Benedito.

Capela de São Benedito.

Seguimos o passeio aprendendo um pouco sobre a histórias dos rios que formam o local, sua vegetação e os tipos de argilas que tem na região. Depois dessa explicação, nós fizemos o que seria a segunda parada do passeio, mas foi a nossa primeira. Essa parada foi numa praia e nós podíamos aproveitar nosso tempo tomando banho de argila, que nós não fizemos porque a argila usada para isso estava num balde. Ela tinha sido retirada do local e levada até ali para os turista. Como nós já tínhamos vivido a experiência de tirar a argila direto do local no Morro de São Paulo, achamos que pegar do balde não era tão interessante. Por isso, nós aproveitamos o nosso tempo tomando banho de mar e batendo fotos.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-5

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-7

Depois de uns 30 minutos na praia, seguimos para a terceira e última parada. Essa parada era apenas uma banco de areia para batermos fotos e tomarmos banho de mar novamente. O tempo nessa parada ainda foi menor que na anterior. Acredito que algo entre uns 20 minutos. Em seguida, começamos o percurso de volta.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-10

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-9

De uma maneira geral, nós não achamos o passeio de catamarã isso tudo. Não que ele não seja interessante, ele pode te dar uma visão geral do local onde se está, mas não é imperdível. Principalmente, sem a parada na capela.

Aluguel de carro

Quando chegamos a praia, nós pedimos uns petiscos, uma cervejas e ficamos aproveitando a barraca do Bora Bora. O atendimento foi rápido e sem grandes problemas. Não achamos a comida nada demais, mas serviu para não ficarmos com fome.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-14

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-12

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-15

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-13

Como nós percebemos que ainda teríamos um bom tempo pela praia, resolvemos voltar até a Capela a pé. Segundo o garçom que nos atendia, a ida até a capela levaria algo entorno de 40 minutos. Nós fomos andando com calma e levamos um pouco menos de tempo. Quando chegamos lá, o local estava cheio de pessoas que fizeram o mesmo que nós ou pessoas que contrataram embarcações pequenas para ir até lá. Nós ficamos lá muito tempo, porque o Bruno queria a foto perfeita da igreja.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-16

Foi lá que aconteceu o incidente mais engraçado da viagem. Vocês lembram que a maré estava superbaixa, né?! Mas ela sobe e a gente esqueceu desse detalhe. Nós fomos ficando e ficando na igreja até ter apenas nos dois lá. Só quando estávamos completamente sozinhos, sem ninguém mais chegar que nos demos conta do motivo. Existe uma parte da areia que depois que a maré sobe fica difícil chegar a até a igreja, então, as pessoas não estavam mais indo porque não daria tempo de ir e voltar.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-23

Quando nos demos conta disso, a gente saiu correndo da igreja já nervosos com a possibilidade de ficarmos presos ali. Para completar o nervosismo no meio do caminho de volta, o Bruno deu falta do óculos de sol dele. Ficamos na dúvida entre voltarmos para procurar ou deixarmos pra lá?! A decisão foi: eu ir na frente com a mochila de equipamentos e o Bruno voltar para procurar rapidamente.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-25

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-30

Como o Bruno anda mais rápido que eu, ele conseguiu voltar, achar o óculos e ainda me encontrar na parte em que a passagem fecha. Nós passamos por essa parte com água quase na cintura. A mochila molhou na parte de baixo, mas nada aconteceu com os equipamentos.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-26

Quando chegamos no Bora Bora não tinha mais quase ninguém. O Alex era um dos últimos guias esperando e tivemos que compartilhar todo esses momento de emoção que vivemos com ele.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-27

Na parte da frente do Bora Bora tem uma parte de piscinas naturais com vida marinha, que nós pretendíamos ver quando voltássemos dessa pequena caminhada, mas é óbvio que quando chegamos elas já estavam submersas e não vimos nada. Então, esse pode ser uma das nossas desculpas para voltar a Praia de Carneiros, que é lindíssima mesmo, umas das mais bonitas do Brasil. Ou quem sabe casar, de novo, naquela capela.

Carneiros_Porto_de_galinhas_Recife-31

* O blog Por aí e Por aqui recebeu apoio da Porto de Galinhas 360º com tarifas diferenciadas. A parceria foi realizada, mas a opinião expressa no relato é pessoal e de acordo com a experiência proporcionada pelo trabalho da hospedagem.*

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos rolando por lá!

Dados Financeiros:
Transfer até a Praia de Carneiros: R$ 200,00 o carro
Catamarã: R$ 35,00 por pessoa
Petiscos: R$ 77,22

Viagem realizada em Setembro de 2015.

LEIA MAIS:
Porto de Galinhas: Passeio de Buggy – Ponta a Ponta
Alagoas: Piscinas Naturais de Maragogi, Mirante e Ponta do Mangue
Porto de Galinhas: Review – Pousada Jangada

Posted in AMERICA DO SUL, BRASIL, PERNAMBUCO, PORTO DE GALINHAS and tagged , , , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *